domingo, 21 de junho de 2009

OS SURREALISTAS
O colectivo multimédia Perve decidiu comemorar o 60º aniversário da exposição que em 1949 teve lugar na sala de projecções da Pathé Baby, promovendo a mostra “Os Surrealistas – Ciclo de celebração dos 60 anos da 1ª exposição do Anti-grupo Surrealista Português”, que inaugurou no dia 18 com a presença de Artur do Cruzeiro Seixas, precisamente na mesma sala onde Mário Cesariny, Pedro Oom, Risques Pereira, António Maria Lisboa, Carlos Eurico da Costa, Mário Henrique Leiria, Cruzeiro Seixas e outros autores realizaram a referida exposição.
Esta homenagem não se resume à exposição na Pathé Baby, já que “pretende criar uma dinâmica criativa abrangente fomentando o cruzamento das várias disciplinas artísticas, como que uma interpretação do “gesto” realizado à 60 anos pelo grupo de artistas que formaram o Anti-grupo “Os Surrealistas”.
Na Perve Galeria é apresentada a exposição “Surrealismo Abrangente” com obras realizadas em anos posteriores às exposições do Anti-grupo, incluindo obras destes e de outros artistas como Eurico Gonçalves, António Quadros, Gonçalo Duarte, José escada, Mário Botas, Natália Correia, etc.
As exposições “Revisitação” e “In-Situ” patentes respectivamente na R. dos Remédios Nº 98 e no edifício da Junta de Freguesia de Stº Estêvão, em Alfama, apresentam uma selecção de obras de artistas contemporâneos que “revisitam o gesto precursor de “Os Surrealistas”, criando obras e instalações que buscam a recontextualização/releitura do Surrealismo em Portugal”. Entre os artistas participantes estão Chris Hales, Stanislav Miler, Gabriel Garcia, Manuel João Gomes, Fernando Aguiar, João Garcia Miguel, Ricardo Casimiro, Eva Alves, Inês Marcelo Curto, Nuno Espinho e Cabral Nunes.

2 comentários:

bonecadetrapos disse...

Contrariando o tempo que parece nunca ser suficiente para que o tempo seja, vim. Cheguei aqui. De salto em salto nos "saltosaltos" de que me muni quando decidi ser "bonecadetrapos". ...

Gostei. Melhor dizendo: muito.
Vou linkar, se me permite.

Saudações de um "tempo" (in)verso ... ou quase.

*___bonecadetrapos___*

Rita Vasconcellos disse...

Vim espreitar o seu blog e gostei imenso
Volto!

Abraço

Rita V.